Para que serve um AMIGO?


Prezado(a) Amigo(a):

Li o artigo abaixo e lembrei de você….repasse aos seus amigos e faça a diferença!

Amigo serve para tanta coisa… não é? Para instalar a nova versão do Windows no computador e não cobrar nada, mesmo perdendo horas e horas a fio! Para trazer muamba do Paraguai e quase ser preso! Para emprestar o carro e recebê-lo de volta com multa e 21 pontos na carteira. Para rachar a gasolina, emprestar a prancha, recomendar um CD, dar carona para festa, passar cola, caminhar no shopping, segurar a barra.

Todas as alternativas estão corretas, porém isso não basta para guardar um amigo do lado esquerdo do peito. A amizade é indispensável para o bom funcionamento da memória e para a integridade do próprio eu.

Um amigo não racha apenas a gasolina: racha lembranças, crises e choro, experiências. Racha a culpa, racha segredos. Um amigo não empresta apenas a prancha. Empresta o verbo, empresta o ombro, empresta o tempo, empresta o calor e a jaqueta.

Um amigo não recomenda apenas um CD. Recomenda cautela, recomenda um emprego, recomenda um país. Um amigo não dá carona apenas para festa. Leva você para o mundo dele e topa conhecer o seu mundo também.

Um amigo não passa apenas cola… Passa um aperto junto com você, passa junto o reveillon. Um amigo não caminha apenas no shopping. Anda em silêncio na dor, entra com você em campo, sai do fracasso ao seu lado.

Segura o tranco, o palavrão, segura o elevador.

Duas dúzias de amigos assim, talvez, ninguém tem… Se tiver um, amém!

Anúncios

Proverbio Chines


Aquele que não sabe
e sabe que não sabe
é humilde.
Ajuda-o!

Aquele que não sabe
e pensa que sabe
é ignorante.
Evita-o!

Aquele que sabe
E pensa que não sabe
Está dormindo.
Desperta-o!

Aquele que sabe
e sabe que sabe
é sábio!
Siga-o.

Criadores anunciam lançamento de ‘anti-Facebook’


Projeto ganhou repercussão com polêmicas sobre o Facebook - (Reprodução BBC)  
Projeto ganhou repercussão com polêmicas sobre o Facebook


 Os responsáveis por um site de relacionamentos que pretende ser a antítese do Facebook anunciaram seu lançamento para o dia 15 de setembro. O projeto Diaspora se descreve como uma rede social “atenta à privacidade e pessoalmente controlada”.

O projeto de fonte aberta ganhou repercussão no início do ano, quando o Facebook foi obrigado a simplificar suas definições de privacidade, criticadas por serem complexas e confusas demais.

Desde então, o projeto Diaspora, desenvolvido por estudantes americanos, conseguiu arrecadar mais de US$ 200 mil em doações.

“Já temos o Diaspora funcionando do jeito que nós gostamos, e ele terá sua fonte aberta no dia 15 de setembro”, anunciou a equipe em seu blog.

O grupo disse ter passado os últimos meses “construindo compartilhamentos contextuais e claros”. “Isso significa uma forma intuitiva para os usuários decidirem quais conteúdos vão para seus colegas de trabalho e quais vão para seus colegas de bar. Sabemos que isso é um problema difícil e o tomamos com seriedade”, disseram.

Arrecadação
O projeto foi iniciado por três cientistas de informática e um matemático de Nova York. Sua ideia de construir a nova rede ganhou força após a onda de críticas contra a falta de privacidade do conteúdo no Facebook, a maior rede de relacionamentos do mundo.

“Queremos colocar os usuários de volta no controle do que eles compartilham”, afirmou na época à BBC um dos fundadores, Max Salzberg.

A equipe abriu um site para arrecadar US$ 10 mil que eles consideravam necessários para financiar a construção da rede.

Mas no final, eles acabaram arrecadando US$ 200.642 em doações de 6,5 mil pessoas. Entre os doadores estaria o próprio fundador do Facebook, Mark Zuckerberg.

Código aberto
O lançamento inicial no dia 15 de setembro será para a fonte aberta do Diaspora, o que significa que os criadores do site tornarão público seu código para que qualquer usuário o veja e modifique.

Os programas de código aberto têm o objetivo de permitir que os usuários modifiquem os programas para oferecerem inovações.

Mas muitos acreditam que será muito difícil a tarefa de competir com o Facebook, que já tem 500 milhões de usuários e um valor estimado em US$ 33 bilhões.

Que conselhos voce daria a quem esteve no topo da carreira profissional,cometeu erros e quase chegou ao fundo do poço?