METAS


 

 

 

 

 

 


 

Você se lembra de Abraham Lincoln? Provavelmente já tenha ouvido fala dele em livros de história ou em algum filme sobre a história americana. E John Kennedy? Talvez já tenha ouvido um pouco mais.

Mas o que eles têm a ver com Atitudes e Metas?

Calma que eu explico.

Abraham Lincoln foi o décimo sexto presidente americano. Era um homem de origem humilde, nascido de pais colonos. Mas certa vez lhe perguntaram, como ele, um homem de pouca educação, proveniente de uma área rural, tornou-se advogado e depois chegou à presidência dos Estados Unidos.

Lincoln respondeu ao seu inquiridor: “No dia em que botei essa ideia na cabeça, metade do trabalho já estava feito”.

John Kennedy foi o 35º presidente norte americano. Em 1960, anunciou que os americanos colocariam um homem na lua antes de 1970, quando se estimava existir na época dez por cento da tecnologia necessária para realização desta tarefa.

Mas como a história nos mostra, em julho de 1969, da superfície da lua, Neil Armstrong pronunciou a frase que ficou célebre e entrou para a história: “Este é um pequeno passo para o homem, um enorme salto para a humanidade”.

O que eu quero mostrar a você é que estes dois acontecimentos ocorreram num período de cerca de 100 anos de diferença. Mas o que eu quero destacar é que ambos começaram com metas que pareciam impossíveis. Mas ambos se tornaram realidade.

Então, qualquer que seja a situação: chegar à presidência da nação, viajar até a lua, ou alcançar suas metas pessoais, exige que se tenha uma atitude definida e metas específicas com prazos para alcançá-las.

Mas, em relação a estabelecer metas, devemos pegar uma meta grandiosa, transformando-a em metas menores. Assim, metas menores se tornam mais acessíveis e, portanto, mais fáceis de serem digeridas. A conquista também fica mais próxima, o que encoraja você a querer alcançá-la.

Pense nisso…

Anúncios

2 opiniões sobre “METAS”

  1. Ao estabelecermos metas é importante também lembrar que encontraremos pessoas ou circunstâncias contrárias ao que almejamos. Com certeza com Abraham Lincoln não foi diferente.
    O que também aprendemos com ele, é que além de termos objetivos definidos e tangíveis, muitas vezes precisamos influenciar pessoas expressando com clareza e vigor as nossas convicções. Enfim, usar toda a nossa capacidade de persuasão.
    Afinal, as metas alcançadas nutrem nossa alma!

    Curtir

  2. Sem dúvida um ótimo exemplo de superação e vontade de atingir metas. Nem Lincoln, nem kennedy possuiam recursos para alcançar tais feitos, e ainda assim atingiram seus objetivos, ou melhor, um dos seus maiores objetivos.
    Existe uma ação que é feita por pessoas que têm sucesso no que objetivam e provavelmente foi usada por esses dois presidentes, chama-se mentalização. Que é a mesma coisa que o livro O segredo explica. Tudo que você mentaliza, pode ser materializado. Isso se explica no fato de toda ação gera uma reação, e isso é 100% mental.
    Juntando essa força, que cada um de nós temos, e colocando em prática, todos os objetivos podem ser alcansados.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s